30 de dezembro de 2014

XÔ 2014 !

ALICE( MINHA SOBRINHA,MEU TESOURO)
QUANDO NOS APROXIMAMOS DA CONTAGEM FINAL DO ANO ,PENSAMOS O QUE FIZEMOS DE MAIS IMPORTANTE NO ANO QUE SE FINDA.
EM 2014 O MAIS INSÓLITO QUE ME ACONTECEU FOI...
ME APAIXONEI ...E FOI MUITO INTENSO QUE...PERDI MEU PONTO DE EQUILÍBRIO.
POR ISSO AGUARDO 2015 PARA MUDAR TUDO E ESCAPAR DESSE SENTIMENTO PRIMITIVO! E COMO DISSE HAMLET..."ESTOU PRONTO! QUE VENHA 2015!"

DESEJOS PARA 2015

DESEJO QUE TODAS MULHERES QUE DESEJAM UM FILHO POSSAM  DIZER QUE FINALMENTE CONSEGUIRAM! 
QUE OS HOMENS /MULHERES QUE DESEJAM MUITOS AMORES QUE O CONSIGAM !
PARA AQUELES QUE DESEJAM UM ÚNICO AMOR ,QUE É UM SORTILÉGIO( MAGIA),O ENCONTRO DE ALMAS E PORTANTO DE CORPOS ,APENAS AME COM A ALMA E COM CORPO MAKE LOVE( SEXO)! 
PARA TODOS UM FELIZ 2015!

PARA MEUS LEITORES DO BLOG QUE ME ACOMPANHAM DESDE O INÍCIO ,PRINCIPALMENTE USA E RÚSSIA E ATÉ IRAQUE ,PAÍSES TÃO LONGE DO BRASIL ONDE MORO ATUALMENTE E TAMBÉM ME SEGUE,SEJAM FELIZES HOJE .



29 de dezembro de 2014

SAUDADES, ACONTECEU O OCASO!

AQUARELA  ( OCASO )  LÚCIA MARINA RODRIGUES
NEM MEU SUSSURRO EM SEU OUVIDO,BAIXINHO...ACORDARÁS!SABENDO QUE SOU APENAS SAUDADES...QUE RESTOU SAUDADE...
(F. SABOYA)

27 de dezembro de 2014

2014 LOGO SE VAI


Ilustração em lápis( Flor de Antúrio) Lúcia Marina RodrIgues
O TEMPO LOGO SE VAI.MAS AINDA HÁ SONHOS EM SEMBLANTES VAZIOS. 
AINDA HÁ MÃOS QUE AGUARDAM AFAGOS .AINDA HÁ DOÇURA EM OLHOS QUE ESPERAM. AINDA HÁ ESPERANÇAS EM LÁGRIMAS INCONTIDAS.AINDA HÁ UMA DIREÇÃO ENTRE CAMINHOS CINZENTOS( M.I.R.CARDOSO)

26 de dezembro de 2014

AMOR ,COISA ESTRANHA!

Ilustração  Aquarela(Ondas Revoltas) Lúcia Marina Rodrigues

O AMOR É UMA COISA ESTRANHA... ESQUENTA ,ACABA E ENGANA.
MAS COMO VIVER SEM ELE SE AO MESMO TEMPO TE LEVANTA E GANHA (VOCÊ)NO SORRISO,NA PALAVRA E NA SEDUÇÃO.NEM TE FALA E JÁ ENCANTA!(C.B.GNAN)

ESPERANDO 2015

Ilustração em giz    Lúcia Marina  Rodrigues
 A VIDA É UMA SÓ,QUEM FOI NUNCA VOLTOU PARA DIZER COMO FOI OU COMO É.
POR ISSO VIVA O SEU PRESENTE ,ESQUECENDO DO SEU PASSADO,ESPERANDO PELO SEU FUTURO ( A.IGLE)

24 de dezembro de 2014

LINHAS DO TEMPO

LINHAS DO TEMPO 

IRREVERSÍVEIS

POR FERNANDA MONTEIRO

ARTISTA PLÁSTICA -SOROCABA - SÃO PAULO -BRASIL 

23 de dezembro de 2014

IRREVERSÍVEL ( FOTOGRAFIA)

Fotografia Fernanda Monteiro
FOTOS DA LINHA DO TEMPO

FOTOS DE IRREVERSÍVEL

GALERIA DE ARTE FERNANDA MONTEIRO





A ARTISTA PLÁSTICA FERNANDA MONTEIRO ( MINHA PROFESSORA ,CURADORA ,ORIENTADORA DE ARTES VISUAIS CEDEU AS FOTOS DE SUA ÚLTIMA EXPOSIÇÃO PARA EU COMPARTILHAR COM MEUS AMIGOS DO BLOG E G+)

22 de dezembro de 2014

VINGANÇA

Ilustração em giz  Lúcia Marina Rodrigues
A VINGANÇA ESTÁ DENTRO...DE CADA UM DE...NÓS.
QUANDO SOMOS POSTOS Á PROVA ... ELA APARECE!
 

21 de dezembro de 2014

BRINDEMOS AOS AMIGOS VIRTUAIS OU NÃO

 SOU MUITO CUIDADOSA COM MINHA VIDA E A DOS OUTROS.

ESTOU SEMPRE TRABALHANDO COMO UMA ABELHINHA  PARA POSTAR  COISAS DIFERENTES PARA MEUS LINDOS(AS) AMIGAS DO G+.

 BRINDEMOS  TODOS OS DIAS A LA VIDA.

20 de dezembro de 2014

VALE TUDO? ( MINI CONTO)

Fotografia Lúcia Marina Rodrigues
ERA MUITO ESTUDIOSA. PESQUISAVA AS AULAS NOS
MÍNIMOS DETALHES.
MAS HAVIA UMA MATÉRIA TÃO IMPORTANTE, COMO TODAS, AS NOTAS DE PROVAS NÃO PASSAVAM DE 5,1. ACHAVA IMPOSSÍVEL, POIS APÓS A PROVA CONFERIA TUDO NOS LIVROS E PENSAVA... VOU RECEBER 9.0 NO MÍNIMO.
E MINHAS COLEGAS (OS) SEMPRE RECEBIAM NOTAS DE oito PARA CIMA.
UM DIA RESOLVI FALAR COM O PROFESSOR E ELE RESPONDEU QUE... SUAS RESPOSTAS ESTAVAM CORRETAS ,MAS NÃO ERAM IGUAIS AS APOSTILAS QUE ELE EDITAVA E VENDIA .
COMO NÃO TINHA DINHEIRO PARA COMPRAR, FIQUEI COM MUITA RAIVA,EMPRESTEI UMA APOSTILA, XEROQUEI E GUARDEI.
CONTINUEI ESTUDANDO TODAS AS LITERATURAS NA BIBLIOTECA LOCAL, MAS NO DIA DA PROVA LEVEI A APOSTILA.
VESTIDA COM UMA MINISSAIA (SÓ USAVA MINI SAIA POR ECONOMIA DE TECIDO) E FUI FAZER ESTA PROVA.
A SALA ERA COM CADEIRAS DISPOSTAS COMO UM ANFITEATRO E OS PROFESSORES SENTAVAM-SE À MESA NO PISO ABAIXO PARA NOS VIGIAREM.
QUANDO COMEÇOU A PROVA CRUZEI AS PERNAS, COLOQUEI A APOSTILA NO COLO E COPIEI TUDO, COM VÍRGULAS E PONTO FINAL.
ENTREGUEI A PROVA E AGUARDEI O RESULTADO.
NOTA DEZ!

O INFELIZ DO PROFESSOR JÁ MORREU. QUE DEUS O TENHA!(MINI CONTO LÚCIA MARINA RODRIGUES)

19 de dezembro de 2014

MULHERES NÃO COMUNS

Ilustração Lúcia Marina Rodrigues(Pintura em madeira)
" ME NEGO A VIVER
 EM UM MUNDO ORDINÁRIO COMO UMA MULHER ORDINÁRIA ,A ESTABELECER RELAÇÕES ORDINÁRIAS.
NECESSITO O ÊXTASE.
NÃO ME ADAPTAREI AO MUNDO.ME ADAPTO A MIM MESMA"
( TRADUÇÃO DA ESCRITORA FRANCESA A.NIN)

18 de dezembro de 2014

17 de dezembro de 2014

O PREÇO DA VIRGINDADE (MINI CONTO)

Ilustração Lúcia Marina Rodrigues (Aquarela Pic Nic)

EU, COMO SEMPRE ESTAVA NO QUARTINHO DOS FUNDOS IMERSOS NOS LIVROS.
NINGUÉM SE PREOCUPAVA COMIGO.
MAS OUVI MINHA MÃE FALANDO PARA AS VIZINHAS... VAMOS ABAIXAR O TOM DE VOZ PORQUE PODE TER GENTE DESCALÇO OUVINDO( MODO DE FALAR DE COISAS IMPRÓPRIAS,NA OPINIÃO DELA, PERTO DE NÓS CRIANÇAS).
COMO NINGUÉM SE IMPORTAVA COMIGO, EU OUVI TUDO... A MOCINHA DE 18 ANOS TINHA PERDIDO A VIRGINDADE COM UM RICO ESTUDANTE DE MEDICINA ,FILHO DE PAIS FAZENDEIROS .
E ESTAVA GRÁVIDA. ESCÂNDALO NA PEQUENA CIDADE. TODO MUNDO FICOU ACOMPANHANDO O CASO .
EU SABIA QUEM ELA ERA... NÃO DIGO QUE ERA FEIA, POIS NÃO EXISTE FEIURA TOTAL. .CADA UM TEM SUA BELEZA .MAS NA ÉPOCA ,EU ERA CRIANÇA ,NÃO VIA NENHUMA BELEZA NA MOCINHA .
ENFIM, O RAPAZ NÃO QUERIA CASAR, POIS JÁ ESTAVA COMPROMETIDO COM UMA GAROTA DE SUA CIDADE NATAL.
A NOSSA MOCINHA CASADORA ENTROU COM UM PROCESSO NA JUSTIÇA, DIZENDO QUE O DITO CUJO RAPAZ TINHA ROUPADO SUA VIRGINDADE, E GANHOU A CAUSA,ALÉM DE FAZER AMEAÇAS E PUBLICAR NO JORNAL LOCAL.
VISTO QUE ELE PERTENCIA A UMA RICA FAMÍLIA, FORAM FEITAS NEGOCIAÇÕES E ELE, OU MELHOR, OS PAIS DERAM UMA CONFORTÁVEL CASA PARA ELA E SUA FAMÍLIA NUM BAIRRO DE CLASSE MÉDIA E UMA POLPUDA PENSÃO PARA A FILHA.
HÁ POUCO TEMPO EU A VI. INFELIZMENTE O TEMPO É NOSSO INIMIGO E ELA... CONTINUA  COMO SEMPRE FOI!A FILHA SEGUE O MESMO CAMINHO.
MAS TEM PENSÃO VITALÍCIA, O QUE NOS TEMPOS ATUAIS É MUITO BOM.
SE FOSSE AOS DIAS ATUAIS A VIRGINDADE TERIA TODO ESSE VALOR?
SERIA ALGO ESCANDALOSO!
( MINI CONTO  LÚCIA MARINA RODRIGUES)  

                     

15 de dezembro de 2014

FALANDO DE AMOR

 Fotografia Lúcia Marina Rodrigues
Em se tratando de Amor o único presente verdadeiro ...É uma parte de si mesmo!

13 de dezembro de 2014

TRIBOS

Ilustração Lúcia Marina Rodrigues( Pintura em madeira)

 Quero pertencer a uma Tribo ...De Afetos


12 de dezembro de 2014

NOITE DE ESTRELA( Mini Conto)


GASTEI TODAS MINHAS ECONOMIAS PARA COMPRAR UM VESTIDO EXCLUSIVO E OS COMPLEMENTOS.
ERA MEU PRIMEIRO JANTAR INTERNACIONAL, NO NOVO EMPREGO.
QUANDO CHEGUEI, SENTI PELOS OLHARES DE INVEJA (DAS MULHERES) E ADMIRAÇÃO (DOS HOMENS) QUE VALEU A PENA.
O RESTAURANTE MAIS REFINADO DO PAÍS QUE ESTÁVAMOS ERA LINDO, TODO DECORADO COM LUZ DE VELAS E FLORES BRANCAS NAS MESAS.
PARA COMPLEMENTAR A MÚSICA AMBIENTE ERA COM MEU CANTOR PREFERIDO.
OS LUGARES MARCADOS E EU SENTEI NA FRENTE DE UM DOS MAIS EDUCADOS (E LINDO) HOMEM ALI PRESENTE.
PARA HOMENAGEAR TODOS OS PAÍSES HAVIA BEBIDAS DE CADA LOCAL.
O GARÇOM OFERECIA TODOS, PARA EU EXPERIMENTAR. CONFESSO QUE BEBI UM POUCO DE TODOS OS PAÍSES, PARA SER AGRADÁVEL COM OS COLEGAS.
AFINAL, EU SABIA QUE NO DIA SEGUINTE MEU CHEFE IRIA RECEBER O RELATÓRIO, SE EU FUI AMIGÁVEL COM TODOS.
ENFIM, A NOITE FOI MARAVILHOSA. INESQUECÍVEL!
QUANDO CHEGUEI AO HOTEL DE CINCO ESTRELAS ME DEITEI OU MELHOR, DESMAIEI NA CAMA.
POUCO TEMPO DEPOIS OUVI BATIDAS NA PORTA... ACORDEI ASSUSTADA E VI O  LUSTRE BALANÇANDO E PENSEI...BEBI DEMAIS .
ABRI A PORTA E ME ARRANCARAM DO QUARTO. EU SEM ENTENDER.
TODOS CORRIAM PELO CORREDOR DE CAMISOLA, PIJAMAS, CUECAS ETC. FOMOS LEVADOS PARA A RUA. FOI UM TERREMOTO QUE ATINGIU A CIDADE.
QUANDO PASSOU VOLTAMOS PARA O QUARTO EU PENSEI... FOI UMA NOITE ESTRELAR ,POIS O CÉU ESTAVA LINDO ,MAS QUANDO OLHEI NO ESPELHO MEUS OLHOS BRILHAVAM COMO A MAIOR ESTRELA DO UNIVERSO .

NÃO FIQUEI COM MEDO DE MORRER, AFINAL EU JÁ TINHA VIVIDO A MINHA NOITE DE ESTRELA... PODIA MORRER!( Mini Conto Lúcia Marina Rodrigues)

11 de dezembro de 2014

RECEITA PARA DOR

Ilustração em giz  Lúcia Marina Rodrigues
Para dor de Amor eu receito...um novo Amor.
Posologia: Tomar em dose única para Lembrar a vida inteira ou em doses homeopáticas para Durar sempre.
Nota:Recomendo dose única ,pois nunca sabemos o que vai acontecer amanhã! Viva o presente.(Lúcia Marina Rodrigues)


10 de dezembro de 2014

CORAÇÃO( tem que ser flexível)

Fotografia Lúcia Marina Rodrigues(Anoitecer)
Bem aventurados os corações flexíveis...
Porque eles nunca se partirão!



9 de dezembro de 2014

Meu coração batendo novamente!

Fotografia Lúcia Marina Rodrigues(Anoitecer)
Fotografia Lúcia Marina Rodrigues
De repente ,depois de um período de escuridão,minha mente acordou!
Eu ouvi um barulho...tum  toc tum toc ,com um compasso ritmado.
Fiquei em silêncio para confirmar.
 Era meu coração . Ele estava batendo novamente.
 E outro barulho mais forte eu ouvia ,como se fosse uma música vibrante ,mais forte ,forte...Fortíssimo! 
Fiquei em silêncio...essa música era um conjunto de corações batendo na mesma sintonia ...vocês meus amigos virtuais G+. 

Fotografia Lúcia Marina Rodrigues

8 de dezembro de 2014

EXIGÊNCIA ABSURDA(Mini Conto)

Fotografia Lúcia Marina Rodrigues( Anoitecer )


MEU MÉDICO ME RECEITOU PÃO DE FERMENTAÇÃO NATURAL PARA MANTER O PESO DE 18 ANOS, COMO SE ISSO FOSSE POSSÍVEL.
MAS RESOLVI SEGUIR O CONSELHO. ACONTECE QUE NA CIDADE ONDE MORO ATUALMENTE SÓ HÁ UMA PADARIA QUE FAZ TODOS OS TIPOS DE PÃES.
E É MUITO CARO COMPRAR LÁ, NÃO SÓ OS PÃES.
OUTRO DIA ESTAVA INDO COMPRAR MEU PÃO E PRÓXIMO A PORTA UM SEM TETO (?) JULGO EU PEDIA UMA AJUDA PARA OS RICAÇOS QUE ENTRAVAM NO LOCAL.
AS PESSOAS FAZIAM UMA CARA ESTRANHA, MAS ENFIAVAM A MÃO NO BOLSO E DAVAM UMA MOEDA.
QUANDO CHEGOU MINHA VEZ EU DISSE QUE NÃO TINHA DINHEIRO E SÓ USAVA CARTÃO, O QUE É VERDADE.
ELE RESPONDEU QUE NÃO TINHA IMPORTÂNCIA E COMPRASSE UMA COCA COLA.
BEM EU COMPREI MEUS PÃES E COMPREI UMA GARRAFA DE COCA COLA, NÃO POR CARIDADE, POR OUTROS MOTIVOS QUE SERÁ OUTRA HISTÓRIA.
QUANDO SAÍ DO ESTABELECIMENTO E DEI A GARRAFA ELE ABRIU O PACOTE E ME QUESTIONOU PORQUE NÃO COMPREI UMA LATINHA.
EU FIQUEI TÃO CHOCADA E RESPONDI QUE A GARRAFA ERA MAIOR, ELE PODERIA FECHAR DEPOIS DE USADA.
MAS ELE CONTINUOU DIZENDO QUE A LATA TINHA LACRE E ERA INVIOLÁVEL E A GARRAFA NÃO. E EU FIQUEI TENTANDO EXPLICAR QUE EU NÃO BEBO REFRIGERANTE, NÃO ERA RESTO, ESTAVA NOVA, PAGUEI CARO PORQUE TUDO É O DOBRO DO PREÇO NO ESTABELECIMENTO.
RESUMINDO, EU FIQUEI ENVERGONHADA PORQUE TODO MUNDO QUE SAIA DO LOCAL PARAVA E FICAVA OLHANDO COMO SE EU FOSSE CULPADA DA DISCUSSÃO.
PROMETI NUNCA MAIS AJUDAR OS PEDINTES NA RUA E CONTINUAR AJUDANDO NAS CESTAS BÁSICAS DA INSTITUIÇÃO QUE FREQUENTO.
MEU DEUS, ONDE ESTAMOS E COMO ESTAMOS?(Mini Conto Lúcia Marina Rodrigues)


7 de dezembro de 2014

RENDA-SE

Fotografia Lúcia Marina Rodrigues
"Renda -se como eu me rendi.
Mergulhe no que você não conhece como eu mergulhei.
Não se preocupe em entender, viver ultrapassa qualquer entendimento"(c.Lispector)

6 de dezembro de 2014

PERDÃO

FOTOGRAFIA  LÚCIA MARINA RODRIGUES (ANOITECER NO VERÃO)

QUE A MORTE NÃO ME SURPREENDA... COM NENHUM DESEJO DE VINGANÇA NO CORAÇÃO!

5 de dezembro de 2014

Quando chega a escuridão

Fotografia Lúcia Marina Rodrigues
Na hora que a dor chega a gente até se ajoelha.(LÚCIA MARINA RODRIGUES)

4 de dezembro de 2014

Trauma de "under wear"(Mini Conto)


Estava revoltada. Trabalhava muito e não era promovida .

Cada promoção que surgia o sexo masculino recebia e eu ficava a ver navios.

Eu estava feliz com meu salário e cargo, mas eu queria uma promoção em qualquer área.

Quando reclamava o chefe dizia que eu precisava fazer “tal” curso, e eu ia correndo fazer. E assim o tempo passava, as promoções iam sendo dadas para outros e eu ficava só fazendo cursos. Tenho um currículo com mais de mil cursos.

Até que um dia falei para o chefe, qual curso que me falta?
Ele respondeu... Você tem que procurar um médico pois está muito estressada e me deu o nome .

Marquei consulta e quase desmaiei com o preço, mas fui.

O médico trabalhava seis meses e o restante ficava fazendo cursos no exterior.

Quando lá cheguei sua mulher me atendeu, uma senhora elegante, de meia idade cabelos branco e era médica também.

Fiquei sozinha com ele no consultório e ela foi para o hospital.

Apesar de ser uma conversa pediu para eu tirar a blusa. Estranhei, mas tirei. E lá fiquei com meu lindo soutien cor de pêssego todo rendado.

Ele mediu minha pressão e mandou-me despir a calça comprida.

Fiquei em pânico! Um homem lindo, jovem, inteligente, mas eu não entendi, porque eu fui para resolver meu problema de estresse e não tirar a roupa!

E quando tirei a calça fiquei paralisada... minha calcinha era branca e não era conjunto da mesma cor .

E o pior eu estava usando meias de nylon até os joelhos (3/4)!

Horripilante! Ele todo respeitoso examinou minha barriga, mandou eu me vestir e contar sobre meu estresse.

Não consegui falar, só queria sair correndo, pois estava muito envergonhada da minha “under wear”.

Voltei outras vezes, pois realmente era um excelente médico, fui promovida, mas isto é outra história.

Tenho trauma até hoje, em qualquer horário e lugar uso conjunto, e nunca mais usei meias ¾.

Tenho pânico de se acontecer algum acidente na rua, ou eu morrer em casa e me encontrarem de calcinha diferente de soutien!

Nem o próprio médico conseguiu achar a causa deste trauma e nem eu.

De qualquer maneira, procuro não me contrariar.
( Mini Conto Lúcia Marina Rodrigues)






2 de dezembro de 2014

SAMBA NO PÉ!

FOTOGRAFIA LÚCIA MARINA RODRIGUES
NO DIA NACIONAL DO SAMBA ,NO ÚLTIMO DOMINGO,NA PRAÇA EM FRENTE DO CONDOMÍNIO ONDE MORO HOUVE UM ESPETÁCULO COM MUITAS ESCOLAS DE SAMBA E PASSISTAS . MEU PRIVILÉGIO DE MORAR NO ALTO FOI PODER SAMBAR SEM SAIR DE CASA . DA JANELA APRECIEI TODO ESPETÁCULO ,COM O POVO SAMBANDO.
FINALIZANDO,DUAS MÚSICAS ,QUE ESCOLHI PARA A POSTAGEM ,AS QUAIS DENTRE TODAS AS MAIS BONITAS ,PARA MEU GOSTO .
"A SORRIR EU PRETENDO LEVAR A VIDA,POIS CHORANDO EU VI A MOCIDADE PERDIDA"

"VIVER ,E NÃO TER A VERGONHA DE SER FELIZ . CANTAR A BELEZA DE SER UM ETERNO APRENDIZ"  


Tudo tem que mudar para que nada mude.